SENAI de Bayeux sedia 2° Encontro Nacional da Construção Civil

13/11/2009 23:21

Valter Barbosa - Campina Grande/PB

Um dia inteiro dedicado a inovação e a tecnologia industrial. Foi essa a principal característica do 2° Encontro Nacional Setorial da Construção Civil, que aconteceu neste dia 11, no SENAI de Bayeux. O evento reuniu cerca de 80 pessoas, entre empresários, estudantes e colaboradores da área da construção, que discutiram novas estratégias tecnológicas voltadas melhorias na qualidade de produtos e serviços que podem contribuir positivamente com a competitividade do mercado da construção no país. 

Participaram dos debates representantes do Departamento Nacional e dos Departamentos Regionais do SENAI de todo o Brasil, além de funcionários de grandes empresas parceiras do encontro, a exemplo da Amanco, Cepel, Weber Quartzolit, Coral, Schneider e Gerdau. 

A abertura das atividades foi feita pelo 2° vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (FIEP), Romualdo Farias de Araújo, que deu as boas vindas aos participantes, declarando os trabalhos iniciados. Em seguida, a Diretora Regional do SENAI-PB, Maria Gricélia Pinheiro de Melo, agradeceu ao Departamento Nacional pelo apoio para a realização do evento na Paraíba. Na sequência, apresentou um breve panorama das ações que o SENAI tem realizado aqui no Estado, mostrando que hoje a instituição é um grande marco na garantia da qualificação profissional das empresas paraibanas. “O encontro é de suma importância para nossos profissionais e para o trabalho em rede que desenvolvemos. Além do enriquecimento, conquistados com as palestras, esta também é uma oportunidade de intercâmbio entre as pessoas envolvidas no segmento da construção em todo o país”, ressaltou.

A programação do encontro contou com sete palestras voltadas para o aprimoramento e desenvolvimento do setor da construção civil. Entre as temáticas abordadas, destaca os processos que levam à inovação da infraestrutura, novos padrões elétricos para habitações econômicas e sustentáveis, e o uso de energias renováveis. A última palestra do dia foi ministrada pelo Presidente do Sindicato da Construção Civil (SINDUSCON) em João Pessoa, José Irenaldo Quintans, que falou as tendências emergentes do setor, mostrando qual a realidade do mercado para a indústria setorial. 


Segundo Paula Bucchianem, representante do SENAI Nacional, a decisão de trazer o evento para a Paraíba não aconteceu por acaso. O Departamento Regional do Estado foi um dos que mais manteve contato com o DN durante todo o ano. Além disso, foi na Paraíba onde surgiram importantes parcerias entre o SENAI e grandes empresas. “Procuramos descentralizar o encontro do eixo Rio-São Paulo, permitindo que o Nordeste também participasse dessas discussões. Nesse sentido, a Paraíba consegue ser um diferencial no apoio ao repasse de conhecimento agregado, através das parcerias que tem conquistado na área”, disse.
 
A gerente da Escola SENAI de Construção Civil, Patrícia Ventura, revelou a alegria de receber o evento em Bayeux, destacando sua relevância para o contexto local. “Este encontro é de extrema importância justamente porque tenta mostrar a nossos instrutores aquilo que há de melhor na área da tecnologia industrial para a construção civil”, destaca. O encontro foi promovido pelo Departamento Nacional do SENAI com o apoio do Departamento Regional da Paraíba.

Texto Colaboração: Gabriel Alves