Micro-avião "feinho" bate recordes de eficiência aerodinâmica

19/11/2009 22:51

Redação do Site Inovação TecnológicaMicro-avião

A eficiência parece não precisar ser necessariamente bela: o pequeno micro-avião bateu todos os recordes de eficiência aerodinâmica, podendo alterar entre o modo avião e o modo planador.[Imagem: Institut Superieur de l’Aeronautique et de l’espace]

Feiura eficiente

À primeira vista, o Mavion não impressiona em nada: ele não é bonito e não parece transmitir aquele apelo tão característico das últimas inovações tecnológicas.

Mas a eficiência parece não precisar ser necessariamente bela: o pequeno micro-avião bateu todos os recordes de eficiência aerodinâmica, podendo alterar entre o modo avião e o modo planador de forma a otimizar tanto o tempo de voo quanto a distância percorrida.

O Mavion também mostrou-se altamente resistente a impactos, o que o torna adequado para operações em terrenos desconhecidos, com a posterior recuperação do aparelho.

Avião-planador

O projeto é do engenheiro Jean-Marc Moschetta, do Instituto Superior de Aeronáutica e Espaço, localizado em Toulouse, na França.

"A visão geral no desenvolvimento do bimotor Mavion foi criar um avião de asas fixas que possa ser facilmente adaptado como um planador, mas também para pousar em locais pequenos e estreitos," diz Moschetta.

O micro-avião tem 30 centímetros de envergadura - distância entre as pontas das asas - e dois motores com hélices girando em sentidos opostos. Segundo Moschetta, isso é crucial para que a alteração entre o modo planador e o modo avião possa ser feita de forma totalmente suave.

Voo vertical

Os ganhos com aerodinâmica foram tão significativos, que o pesquisador afirmou que já está planejando o desenvolvimento de uma versão capaz também de voar verticalmente.

"O objetivo definitivo do conceito é demonstrar uma capacidade dupla de voo usando o mesmo veículo: o voo rápido para frente e a capacidade de planar," diz o engenheiro. "Os dois rotores de movimentos opostos oferecem uma forma simples de melhorar o controle de estabilidade, que é particularmente importante também no voo vertical."

Concordando que o design de seu micro-avião é "inovador, mas simplista" Moschetta afirma que o projeto tem grandes possibilidades de uso prático, principalmente em vigilância e sensoriamento.